Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na terceira idade

Essa doença cardiovascular é frequentemente assintomática e é causada por uma deterioração da atividade cardíaca; os vasos sanguíneos começam a funcionar incorretamente. Por esse motivo, o suprimento de sangue ao corpo é inibido, sendo observada deterioração especialmente durante o esforço físico.

Os principais sinais dessa patologia cardíaca são:

  • Fraqueza e mal-estar - manifesta-se nos estágios iniciais da doença, a princípio são menos perceptíveis, aumentam com o tempo.
  • Sonolência, possivelmente perturbação do sono.
  • Desempenho reduzido.
  • Interrupções no sistema nervoso devido a irritabilidade excessiva, depressão, estresse.
  • Falta de ar - é especialmente pronunciada durante o esforço físico, na primeira fase este sintoma é menos pronunciado, aumenta com o aumento da velocidade e tem forte efeito no estado geral.
  • A tosse geralmente é um dos primeiros sintomas que causam doenças cardíacas. Sua presença é severamente afetada por pessoas em idade avançada e senil. Portanto, em algumas situações, a tosse pode provocar uma perda de consciência. É possível identificar uma tosse com insuficiência cardíaca devido a manifestações especiais. Antes de tudo, é a ausência de escarro ou sua quantidade insignificante com a presença de sangue. O ataque é caracterizado por cianose dos lábios, aumento da freqüência cardíaca, aumento da dor no coração e aumento das veias cervicais. Uma tosse prolongada geralmente leva à perda de consciência do paciente.
  • Inchaço das extremidades inferiores devido ao mau funcionamento do coração.
  • Vômitos e náuseas.
  • O azulamento dos membros inferiores e superiores, em particular unhas e lábios, está associado a uma violação da circulação sanguínea no corpo e à função cardíaca prejudicada.

Órgãos e sistemas vitais humanos são atacados a cada hora e seu funcionamento está se deteriorando. A insuficiência cardíaca (IC) é uma violação do miocárdio, a base do músculo cardíaco.

O processo patológico requer a intervenção de um especialista que estudará os sintomas e, em seguida, fará o tratamento. Consulta inicial com um cardiolOgist é especialmente necessário na velhice, quando são prováveis ​​consequências graves.

Nas categorias de idosos, os sinais de insuficiência cardíaca são um pouco diferentes dos jovens. Analisaremos os principais sintomas que determinam o desenvolvimento da patologia.

Detonic - um medicamento único que ajuda a combater a hipertensão em todas as fases do seu desenvolvimento.

Detonic para normalização da pressão

O efeito complexo dos componentes vegetais da droga Detonic nas paredes dos vasos sanguíneos e no sistema nervoso autônomo contribuem para uma rápida diminuição da pressão arterial. Além disso, este medicamento evita o desenvolvimento da aterosclerose, graças aos componentes únicos envolvidos na síntese da lecitina, um aminoácido que regula o metabolismo do colesterol e impede a formação de placas ateroscleróticas.

Detonic síndrome não viciante e de abstinência, uma vez que todos os componentes do produto são naturais.

Informações detalhadas sobre Detonic está localizado na página do fabricante www.detonicnd.com.

Não. 1. Taquicardia

Esse aumento na frequência cardíaca geralmente é superior a 90 batimentos por minuto. O pulso não aumenta durante o exercício, mas quando uma pessoa está em um estado calmo. A taquicardia nos estágios iniciais não é particularmente prejudicial. Mas com seu curso prolongado, o miocárdio começa a entrar em colapso, o que aumenta o risco de um ataque cardíaco.

Não. 2. Inchaço

O edema na insuficiência cardíaca é uma ocorrência bastante comum devido à desaceleração de todos os processos metabólicos no corpo. O líquido se acumula nos tecidos e no espaço entre os órgãos internos. Na maioria das vezes, o inchaço afeta o rosto, os membros inferiores. Então o estômago, braços e quadris incham. As pernas incham desigualmente, às vezes o inchaço é visível apenas nos dedos.

A insuficiência cardíaca é caracterizada por uma deterioração da circulação sanguínea em todo o corpo. Devido ao fraco enriquecimento do pulmão, começa uma forte tosse latindo. É precedido por broncoespasmo e falta de ar.

0082c59ed1c9a6d03d8b480bb5d9a573 - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhice

A insuficiência cardíaca leva a uma deterioração no enriquecimento das células cerebrais com oxigênio. Analisando os sintomas, o tratamento e outras características da doença, deve-se dizer que esquecimento e diminuição da atenção são sinais comuns. Na velhice, a demência também é observada se os problemas cardíacos forem diagnosticados tarde demais.

Não. 5. Ortopnéia

Sintoma perigoso, implicando falta de ar severa quando deitado. A ortopnéia se desenvolve no contexto da estase venosa na circulação pulmonar.

Quando o paciente fica sentado, o fluxo sanguíneo passa para as pernas, aliviando a condição. Em casos mais complexos, a falta de ar aparece quando o corpo está na posição vertical.

Isso indica não apenas coração, mas também insuficiência pulmonar.

Existem 2 formas da doença:

  • insuficiência cardíaca aguda - uma condição súbita (emergência) na qual as funções contráteis do miocárdio são gravemente prejudicadas, o coração perde sua capacidade de fornecer sangue aos sistemas vitais e órgãos;
  • insuficiência cardíaca crônica - ocorre por um longo período, caracterizada por pulso confuso, fluxo sanguíneo prejudicado para sistemas e órgãos, desgaste e hipóxia miocárdica.

Cada forma de insuficiência cardíaca é perigosa à sua maneira e apresenta certos sintomas. Eles os repelem quando prescrevem tratamento. A doença requer muita atenção, principalmente em pacientes idosos. Se você confiar nas estatísticas, a HF assume uma posição de liderança no número de mortes por seu desenvolvimento.

Os medicamentos incluídos no tratamento da insuficiência cardíaca são selecionados por um cardiologist. O médico monitora constantemente o estado de saúde do paciente, ajustando a dosagem. Patologias concomitantes, características relacionadas à idade e estilo de vida são levados em consideração.

Serdechnaya nedostatochnogst 1 18105545 e1503053800869 - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhice

Grupo de drogas destinadas a bloquear os receptores beta-adrenérgicos e o efeito das catecolaminas sobre eles. Meios são especialmente usados ​​por cardiologistas, pois removem rapidamente os sintomas de insuficiência cardíaca e têm efeito prolongado.

Metoprolol

Fármaco anti-hipertensivo antiarrítmico, com o objetivo de reduzir a freqüência cardíaca e o automatismo do nó sinusal, além de diminuir a condução AV.

O medicamento elimina a necessidade de miocárdio em oxigênio, reduzindo sua excitabilidade e contratilidade. Além disso, o metoprolol evita o estresse no coração durante o estresse do plano emocional e físico.

A dinâmica positiva no tratamento aparece após 2 semanas de admissão.

Bisoprolol

A insuficiência cardíaca é acompanhada por uma alta taxa de pulso, falta de ar, fadiga rápida, formigamento no coração e demanda de oxigênio no miocárdio. A droga alivia esses sintomas, fornecendo tratamento direcionado. É prescrito para pessoas em idade avançada devido à facilidade de uso. O medicamento é tomado diariamente, de acordo com um esquema composto individualmente.

Medicamentos principalmente a partir de componentes vegetais. Quando tomados corretamente, dão um bom efeito antiarrítmico e cardiotônico. Os comprimidos são prescritos em doses terapêuticas para insuficiência cardíaca crônica ou aguda. Eles melhoram a função miocárdica, garantindo o bom funcionamento do músculo cardíaco.

Strofantin

Ele difere na velocidade, não se acumula no corpo, não se transformando de uma droga em um "veneno para o coração". É excretado após o dia seguinte à recepção, enquanto o efeito terapêutico não diminui. O resultado é visível após um quarto de hora se administrado por via intravenosa.

Digoxina

O mais eficaz para fracasso de coração de uma forma crônica. Consiste em digital, lanoso, que atua como um vasodilatador. Entre as principais propriedades da droga está um efeito diurético inotrópico. Neste contexto, o inchaço desaparece, a função miocárdica é restaurada.

Digitoxina

Em ação, é semelhante ao medicamento anterior, mas é prescrito com menos frequência. Eficaz na forma crônica de insuficiência cardíaca. Possui uma composição excessivamente ativa, que pode provocar intoxicação se usada indevidamente. Ele age mais devagar, o resultado é perceptível após 6 horas.

Não. 3. inibidores da ECA

Eles são prescritos para insuficiência cardíaca somente quando os sintomas são confirmados. O tratamento na velhice é um médico. Os medicamentos têm como objetivo reduzir a resistência vascular periférica total, eliminando os efeitos da angiotensina II nos receptores vasculares.

Captopril

Um medicamento altamente eficaz é reconhecido como o melhor entre os inibidores da ECA. Na insuficiência cardíaca crônica, geralmente são prescritos até 55 mg. por dia. Tome 13 mg de cada vez. uma substância que dura cerca de 3 horas. O tratamento agudo começa com uma dosagem mais baixa. Além disso, os diuréticos são usados ​​com Captopril.

A insuficiência cardíaca é tratada com diuréticos. Eles eliminam falta de ar e inchaço. É proibido tomar diuréticos em grandes quantidades, a fim de evitar violações dos rins.

Espironolactona

A droga ajuda a remover sódio, cloro e excesso de água do corpo. Os ingredientes ativos reduzem a acidez titulável da urina. Desde o início da administração, um efeito hipotensor é causado no 2º ao 5º dia. O regime de tratamento é prescrito individualmente. A dosagem diária é de 100-200 mg. dividido em 2-3 recepções. Em média, o curso dura 3 semanas.

Furosemida

Ao diagnosticar insuficiência cardíaca, às vezes é prescrito um diurético poderoso. É tomado em situações de emergência quando os sintomas já estão estabelecidos e o tratamento para o paciente idoso é simplesmente necessário. O medicamento permite que você lide com uma forma aguda da doença. A dosagem diária é definida pelo médico individualmente.

Não. 5. Nitratos

As preparações deste grupo têm propriedades venodilatadoras. Além de eliminar a estagnação dos canais sanguíneos, o medicamento reduz a isquemia do miocárdio e dilata as artérias coronárias.

Trinitrato de glicerilo

O medicamento é usado para prevenir a angina de peito e dilatar os vasos sanguíneos. O medicamento aumenta os processos metabólicos, reduzindo a necessidade de oxigênio do coração. Disponível em cápsulas e comprimidos. É permitido levar no máximo 6 unidades por dia. Você pode tomar 0,5 comprimidos de cada vez.

Nitroglicerina

A droga visa reduzir a demanda de oxigênio do coração. Com a admissão regular, o músculo principal se livra da carga que ocorre no contexto da insuficiência cardíaca. A diária é prescrita pelo médico, levando em consideração as características do corpo do paciente.

O medicamento deste grupo elimina a insuficiência cardíaca. As substâncias ativas bloqueiam a síntese de angiotensina II nos rins. Neste contexto, os indicadores de pressão arterial estão se estabilizando, o vasoespasmo é aliviado.

Atakand

A insuficiência cardíaca tem seus próprios sintomas, cujo tratamento é importante para realizar em tempo hábil, principalmente na terceira idade. Durante a terapia, o "Atacand" é tomado em conjunto com diuréticos, betabloqueadores, inibidores da ECA, glicosídeos cardíacos. A norma diária do medicamento em questão é 8 mg.

Seguindo regras simples, será possível fortalecer e manter a saúde no nível adequado.

Terapias

A insuficiência cardíaca em idosos é diagnosticada da mesma maneira que em uma idade diferente. O médico entrevista com cuidado e tranqüilidade o paciente, pois nem sempre os pacientes conseguem se lembrar de todos os detalhes imediatamente.

Os resultados do exame físico são confirmados por estudos instrumentais e laboratoriais.

serdechnaya nedostatochnost pozhilom vozraste5 - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhice

A verificação do estado do músculo cardíaco e do aparelho valvar é realizada usando:

  1. Eletrocardiografia Em alguns casos, eles podem realizar testes de estresse usando cargas mínimas.
  2. Ultrassom Doppler.
  3. Uma radiografia de tórax comum.

O diagnóstico é confirmado com base nos resultados:

  • hemograma geral e fórmula de leucócitos;
  • determinar o nível de proteína e glicose no sangue e na urina;
  • nitrogênio residual e bilirrubina no sangue;
  • lipoproteínas e triglicerídeos;
  • transaminases e desidrogenases de lactato.

O médico prescreve, de acordo com os sintomas, o tratamento da insuficiência cardíaca na velhice. Por serem considerados o principal indicador na ocorrência desta patologia e dependendo do seu número, gravidade e frequência de manifestação, indicam o estado do paciente e apresentam o quadro clínico geral da cardiopatia.

Antes de prescrever tratamento especial, é realizado um exame diagnóstico, que ajuda a estabelecer a duração da doença, a presença de patologias menores e a possibilidade de complicações.

O principal é consultar um especialista médico em tempo hábil, quando os sintomas são pouco frequentes e menos pronunciados. Nesse caso, aumentam as chances de restaurar a função cardíaca, melhorar o suprimento sanguíneo e remover completamente os sinais. Caso contrário, a terapia é muito mais difícil, em alguns casos, mesmo a cirurgia pode ser necessária.

v pozhilom vozraste hronicheskaya forma serdechnoy - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhice

Nos estágios iniciais, as doenças cardíacas são tratadas com nutrição adequada, rejeição de maus hábitos e esforço físico permitido, que contribuem para a melhoria dos processos metabólicos e aceleram a circulação sanguínea.

Métodos terapêuticos comuns para insuficiência cardíaca são:

  • Terapia medicamentosa.
  • Métodos populares.
  • Intervenção cirúrgica.

Qualquer um dos métodos de tratamento listados é prescrito por um médico especialista, dependendo das indicações clínicas e de diagnóstico, função cardíaca, bem como a presença de sintomas e complicações.

!  Extra-sístoles supraventriculares únicas o que é

A insuficiência cardíaca não é apenas tratada clinicamente, a doença pode ser superada com a ajuda de receitas da medicina tradicional. Mas com esse tratamento, o efeito adequado estará disponível apenas no estágio inicial de desenvolvimento, quando os sintomas forem pouco frequentes e menos pronunciados.

Ao usar esse método de tratamento para uma doença, é necessário consultar um médico especialista com antecedência, pois são possíveis complicações cardíacas que provocam a progressão da patologia.

Se não houver contra-indicações ao uso de métodos populares, eles podem ser usados ​​para normalizar a pressão arterial, melhorar o estado geral, a circulação sanguínea, a função cardíaca, algumas receitas podem ter um efeito diurético. Como terapia, são utilizadas ervas medicinais e outros componentes folclóricos.

Tratamento alternativo da insuficiência cardíaca

As seguintes receitas são muito populares:

  • A raiz de elecampane é uma planta medicinal eficaz com propriedades curativas indispensáveis ​​para o coração. Ajuda a eliminar a manifestação dos sintomas e melhora a função cardíaca. Para o tratamento, use uma decocção e consuma 3 vezes ao dia por 2 semanas.
  • Hawthorn - uma decocção de tal planta é amplamente utilizada como tratamento para muitas doenças cardíacas, para seu preparo deve-se pegar meio quilo de frutas silvestres e despejar 1 litro de água, depois colocar em fogo lento e cozinhar por 30 minutos. Depois é necessário coar e adicionar uma pequena quantidade de mel ou açúcar. Aplicar antes das refeições sob supervisão de um profissional médico.
  • O aspargo é um excelente remédio contra doenças cardíacas; as hastes e seus frutos são utilizados para o tratamento. Você pode preparar a infusão cortando a planta finamente e despejando-a com água fervente suficiente. Em seguida, deixe descansar por cerca de 2 horas, antes cubra cuidadosamente com algo quente. Candidate-se a doenças cardíacas 10 ml a cada 2 horas. O tratamento é realizado por vários dias.
  • Feijão - se misturado com ervas medicinais, será um bom remédio para o tratamento de doenças do sistema cardiovascular. Para a infusão, corte o feijão, despeje água e leve ao fogo. Use esta decocção antes de comer.
  • Botões de bétula, mirtilos, rabo de cavalo de campo e algumas outras ervas medicinais são considerados diuréticos naturais maravilhosos. Eles ajudam a normalizar o metabolismo da água, reduzem o risco de inchaço das extremidades superior e inferior, melhoram o estado geral, a função cardíaca e evitam a complicação de doenças. De todas as ervas, você pode preparar uma decocção para o tratamento, a fim de fazer com que seja necessária uma planta seca ou fresca. Antes de usar, é melhor consultar um médico para não prejudicar o coração.

Para suspeitar de insuficiência cardíaca em um paciente idoso, um médico experiente precisará apenas realizar um exame, ouvir o ritmo cardíaco, ouvir as queixas e os sintomas do paciente. Como exame adicional e confirmação do diagnóstico, são prescritos diagnósticos instrumentais.

  1. Ecocardiografia (ecocardiografia) com dopplerografia.
  2. ECG (eletrocardiografia).
  3. Exame radiológico do tórax.
  4. Ultra-som do músculo cardíaco.
  5. Ventriculografia por radioisótopos.
  6. Análise de hormônios produzidos pelo miocárdio.
  7. Ressonância magnética
  8. CT

dlya podtverzhdeniya diagnoza serdechnaya nedostat - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhiceVárias técnicas instrumentais de diagnóstico são usadas para confirmar o diagnóstico de insuficiência cardíaca.

Os resultados do diagnóstico determinam a gravidade do processo patológico, a presença de patologias concomitantes e o estágio de seu curso. Após receber os dados da pesquisa, o médico estabelece o diagnóstico final e determina a nova metodologia de tratamento.

Por que está desenvolvendo

Nos idosos, a patologia se manifesta em conexão com processos bioquímicos e fisiológicos no músculo cardíaco, associados a alterações no corpo relacionadas à idade. O aparecimento dos primeiros sinais é observado após 70 anos. Em alguns pacientes, a essa altura, a patologia já está no estágio de descompensação.

Os processos ateroscleróticos progridem, sob a influência da qual ocorre a compactação da parede vascular. O processo patológico se estende a vasos grandes e pequenos.

O menor alongado e danos aos vasos do cérebro e do coração. Como resultado do processo isquêmico, o tecido muscular é gradualmente substituído por tecido fibroso, a cardiosclerose difusa ou focal se desenvolve e a contratilidade miocárdica diminui cada vez mais.

Como resultado de estenose e outras alterações vasculares, o ventrículo esquerdo está sobrecarregado. Uma pessoa sofre de hipertensão ortostática, acompanhada de tontura como resultado de uma mudança acentuada na posição do corpo.

Ao longo dos anos, o mau funcionamento da glândula timo, os mecanismos de defesa imunológica enfraquecem e não podem mais compensar os distúrbios funcionais.

O coração não bombeia todo o sangue necessário e leva ao desenvolvimento de falta de oxigênio nos tecidos e à sobrecarga do coração direito.

Portanto, na presença de tais patologias, o tratamento deve ser realizado.

Terapia medicamentosa

Um método comum de tratamento de várias doenças, incluindo cardiovasculares. Graças ao efeito complexo e à escolha correta de medicamentos, é possível restaurar a atividade do coração, normalizar a circulação sanguínea e o suprimento sanguíneo de tecidos e órgãos e reduzir a gravidade dos sintomas. Basicamente, com esta patologia, os seguintes medicamentos são usados:

  • Diuréticos
  • Inibidores da enzima conversora de angiotensina;
  • Vasodilatadores;
  • Glicos cardíacos>161097bd5d652de9ddff9f6bb90ff008 - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhice

Inibidores da enzima de conversão da angiotensina - evitam o estreitamento dos vasos sanguíneos, normalizando assim a atividade do coração e dos rins. Para o melhor tratamento, são usados ​​em conjunto com diuréticos. Com isso, o estado do paciente melhora e o risco de complicações diminui.

Vasodilatadores - auxiliam no funcionamento do coração, principalmente utilizados na impossibilidade de uso de medicamentos do grupo dos inibidores da enzima conversora da angiotensina. Eles têm um efeito positivo no coração. O tratamento é supervisionado por um médico.

Glicosídeos cardíacos - drogas eficazes com alto efeito terapêutico, contribuem para a normalização da função cardíaca e do fluxo sanguíneo. O mais comum é a Digoxina. É bastante eficaz no tratamento, tem uma grande lista de contra-indicações, por isso o uso deve ser preciso mesmo após a consulta com o médico especialista.

Anticoagulantes e agentes antiplaquetários são medicamentos usados ​​no tratamento da insuficiência cardíaca em idosos.

Seu uso tem um efeito positivo no bem-estar geral e ajuda a prevenir a formação de coágulos sanguíneos.

Eles também ajudam a normalizar a função cardíaca.

Principais manifestações

A insuficiência cardíaca se manifesta nos idosos:

  • tensão das veias superficiais nas têmporas, testa;
  • pulsação dos vasos do pescoço;
  • falta de ar, na qual, enquanto em repouso, uma pessoa não consegue respirar;
  • cianose fria dos dedos, orelhas, nariz;
  • pastagem, inchaço dos pés e pernas.

Se um ou mais sintomas aparecerem, um médico deve ser visitado.

adfa9be27c6b840885b4cb928d4189dc - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhice

O curso do processo patológico pode ser:

  1. serdechnaya nedostatochnost pozhilom vozraste3 - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhiceArrítmico. Nesse caso, o paciente sofre de arritmias cardíacas, batimentos cardíacos acelerados, tremores no coração.
  2. Abdominal. Uma pessoa tem uma sensação de peso na região epigástrica, o apetite piora e o processo de digestão dos alimentos é perturbado.
  3. Renal. Inchaço dos pés e pernas aparece, os diuréticos não levam a uma diminuição da gravidade do edema em uma pessoa idosa com insuficiência cardíaca. A produção de urina é reduzida.
  4. Pulmonar. O paciente sofre de falta de ar e tosse, que não estão relacionadas a resfriados. Atividade física e posição horizontal levam a problemas de saúde.
  5. Cerebral. A capacidade de navegar no espaço é prejudicada, o paciente sofre de fraqueza irracional, instabilidade emocional, ansiedade, sonolência.

Manifestações semelhantes podem ser observadas com doença coronariana ou formas raras de infarto do miocárdio.

Tratamento com diuréticos

Os diuréticos são diuréticos indispensáveis ​​para o tratamento de doenças. Usado principalmente para reduzir o edema e normalizar o metabolismo total da água no corpo. A dosagem dos medicamentos é prescrita de acordo com a condição do paciente, o trabalho do coração e é determinada por um médico especialista. Os diuréticos mais utilizados são:

  • A furosemida é uma droga eficaz, caracterizada por tratamento rápido e efeito diurético. Com doenças cardíacas, elas têm um efeito rápido, diminuindo a carga no coração, reduzindo a pressão sanguínea. A duração do medicamento é de 3-6 horas e o efeito começa 30 minutos após a administração. Tem contra-indicações e efeitos colaterais, por isso é prescrito por um médico especialista.
  • A torasemida é um diurético do tipo alça, amplamente usado para doenças cardíacas e é especialmente usado no tratamento de crises hipertensivas. Este medicamento está disponível em várias formas - comprimidos, soluções para infusão intravenosa. A torasemida também tem algumas contra-indicações e efeitos colaterais e é prescrita pelo médico assistente.

Como tratar a insuficiência cardíaca em idosos - drogas e medicamentos

Violações na funcionalidade contrátil do miocárdio levam a arritmias cardíacas e outros distúrbios circulatórios. A insuficiência cardíaca na terceira idade é devida a anormalidades fisiológicas do organismo em envelhecimento, várias doenças concomitantes associadas a problemas no funcionamento do sistema autoimune.

Os sinais primários do desenvolvimento de funcionalidade insuficiente do músculo cardíaco são registrados após os 70 anos de idade. Em 14% dos idosos, as patologias do departamento cardiovascular entram no estágio de descompensação.

O crescimento da doença ocorre com o tempo, afetando gradualmente várias partes do sistema cardiovascular:

  1. A aterosclerose progressiva leva gradualmente a um espessamento das paredes dos vasos sanguíneos, com o envolvimento dos principais grandes vasos. Com o tempo, a patologia se espalha para as artérias do cérebro.
  2. Lesões isquêmicas no coração causam a substituição do músculo pelo tecido conjuntivo, formando cardiosclerose focal ou múltipla. A capacidade de função contrátil no miocárdio está diminuindo rapidamente.
  3. O estreitamento do lúmen arterial leva à sobrecarga do ventrículo esquerdo, aparece hipotensão ortostática. A patologia é caracterizada por tonturas agudas no momento de uma mudança na posição do corpo.
  4. O tecido cicatricial afeta a válvula aórtica, perde a ductilidade, seguido de uma violação do fechamento das válvulas. O processo patológico afeta a válvula mitral; as manifestações de funcionalidade insuficiente do aparelho valvar são registradas após 10 anos.

A destruição dos mecanismos de defesa autoimune leva a uma diminuição da função compensatória, o músculo cardíaco não é mais capaz de bombear os volumes necessários de sangue, o que provoca a falta de oxigênio nos tecidos. O desvio contribui para a formação de sobrecargas no coração direito.

89298c77bc84dae9558b63cae0d4e748 - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhice

Os especialistas consideram uma série de doenças presentes na história do paciente como pré-requisitos para o desenvolvimento de insuficiência cardíaca.

  • hipertensão arterial;
  • tireotoxicose;
  • miocardite;
  • hipotireoidismo;
  • defeitos cardíacos adquiridos e congênitos;
  • pericardite;
  • patologias crônicas do departamento pulmonar;
  • cardiosclerose formada no contexto de aterosclerose ou infarto do miocárdio;
  • efeitos tóxicos e alérgicos no tecido do miocárdio.

Manifestações sintomáticas que relatam problemas com o coração são apresentadas:

  • tensão dos vasos superficiais na região cervical, temporal e frontal;
  • falta de ar com entrada difícil, mesmo em estado de descanso completo;
  • uma mudança na cor da pele das pontas dos dedos, nariz, orelhas, lábios e abaixamento da temperatura;
  • inchaço das pernas e pés.

À medida que a insuficiência crônica aumenta, complexos inteiros são formados, consistindo em sintomas semelhantes em manifestações a vários processos patológicos, incluindo extracardíacos.

As variantes gravadas frequentemente do curso da insuficiência cardíaca incluem as seguintes formas:

  • arrítmico - os pacientes queixam-se de sensações de alteração do ritmo do músculo cardíaco, sua contração acelerada e choques atípicos;
  • abdominal - caracterizado por sensação de peso na região epigástrica, diminuição do apetite e alteração da função digestiva;
  • renal - com inchaço do tornozelo, diminuição da excreção urinária e falta da eficácia necessária ao tomar medicamentos diuréticos;
  • pulmonar - reflexo de tosse constantemente presente e falta de ar não estão associados a infecções respiratórias, as manifestações sintomáticas aumentam com qualquer esforço físico ou na posição horizontal do paciente;
  • cerebral - um estado de fraqueza geral sem causas raízes específicas, explosões psicoemocionais, ansiedade excessiva, sonolência constante e perda de orientação no espaço.

As lesões isquêmicas apresentam sintomas semelhantes e indicam ataques de angina não padronizados ou variantes raras de infarto do miocárdio. Aqueles que estão doentes não prestam atenção a sinais leves, explicando qualquer mal-estar com mudanças relacionadas à idade e ociosidade constante.

6ec5aded845e82d72084b9a9b41fbc42 - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhice

O reflexo da tosse é um companheiro indispensável de muitas patologias do departamento cardiovascular. O desvio impede que os doentes levem um estilo de vida familiar e é a principal razão para ir a uma instituição médica.

Em alguns casos, a perda de consciência a curto prazo associada à tosse é registrada nos pacientes. O processo patológico é mal tolerado por pessoas em idade madura.

O espasmo dos brônquios e subsequente reflexo da tosse podem ser provocados:

  • insuficiência valvar mitral;
  • lesões cardioscleróticas;
  • infarto agudo do miocárdio;
  • miocardite;
  • uma variedade de cardiomiopatias.

O espasmo vascular nessas doenças concentra-se na área do peito e se manifesta por um reflexo de tosse pronunciado. Uma condição patológica pode evoluir para asma cardíaca, que é uma complicação de uma doença concomitante.

A tosse com funcionalidade insuficiente do músculo cardíaco é caracterizada por:

  • ausência completa de escarro ou uma pequena quantidade dele com partículas de sangue;
  • uma mudança na cor dos lábios mucosos para um tom azulado;
  • palpitações cardíacas com dor no peito;
  • inchaço das veias cervicais no momento da tosse;
  • um ataque duradouro pode levar a um estado de desmaio a curto prazo.

A terapia separada do reflexo da tosse não levará ao resultado desejado - junto com ela, é necessária para tratar a insuficiência cardíaca em idosos. Qualquer automedicação, incluindo métodos alternativos, levará a resultados indesejáveis. Suprimir os sintomas da tosse não ajuda a eliminar a insuficiência cardíaca.

Cardiologistas prescrevem medicamentos separados para pacientes com tosse do tipo coração. As drogas têm um espectro de ação vasodilatador, um efeito expectorante. Quando tomados, o espasmo dos vasos é removido e o reflexo da tosse é suprimido. Juntamente com os medicamentos antitussígenos, os diuréticos são prescritos para remover o líquido que se acumulou nos tecidos do corpo.

A funcionalidade insuficiente do coração é determinada usando técnicas instrumentais:

  • ECG;
  • Raio-x do tórax;
  • Ultrassom do músculo cardíaco;
  • ecocardiografia;
  • Ressonância magnética;
  • CT

Todos os métodos acima permitem determinar o grau de dano às áreas do miocárdio e o estágio de desenvolvimento do processo patológico. Depois de receber todos os dados do exame diagnóstico, o médico faz um diagnóstico final e faz a escolha do tratamento necessário.

O tratamento da doença é realizado pelo método de terapia complexa, com a inclusão de subgrupos individuais de medicamentos. O esquema inclui:

  1. Diuréticos - os fundos são necessários para a regulação do metabolismo da água, remoção do excesso de fluido acumulado. O resultado da exposição é uma diminuição do nível de inchaço, estabilização da pressão arterial e normalização do ritmo cardíaco.
  2. Inibidores da ECA - destinam-se a prevenir o estreitamento do lúmen dos vasos sanguíneos. Ao usá-los, há uma melhora na função de bombeamento do músculo cardíaco, normalização da circulação sanguínea e melhora do estado geral. Os medicamentos são um meio de prevenção contra a ocorrência de infarto agudo do miocárdio.
  3. Glicosídeos cardíacos - são projetados para suprimir as manifestações sintomáticas de fibrilação atrial e doenças do ritmo sinusal. Os medicamentos são freqüentemente usados ​​para tratar doenças do departamento cardiovascular; sua prescrição é feita com cautela.
  4. Anticoagulantes - previnem o aumento da coagulação sanguínea e outros coágulos sanguíneos.
  5. Beta-bloqueadores - necessários para suprimir a produção de adrenalina, que é responsável pelo estreitamento dos vasos sanguíneos e pela aceleração dos batimentos cardíacos.
  6. Antagonistas do cálcio - interferem na absorção dos íons cálcio, prevenindo seus efeitos indesejáveis ​​no músculo cardíaco.
  7. Antiarrítmicos - são prescritos para o alívio de ataques de batimento cardíaco irregular.

Na ausência de eficácia dos medicamentos, pode ser prescrita intervenção cirúrgica. Para estabilizar o ritmo das contrações cardíacas, a introdução de um marcapasso é frequentemente recomendada.

As patologias do departamento cardiovascular estão entre as principais causas do desenvolvimento de um desfecho fatal. Qualquer método de tratamento caseiro não terá um efeito sério sobre as doenças cardíacas. A utilização de verbas feitas de acordo com receitas folclóricas só é permitida com a aprovação dos presentes cardiologist.

  1. Raspas de limão - pode ser usado como estimulante da atividade cardíaca. Os médicos são aconselhados a usar crus ou como aditivo em pratos individuais.
  2. Raiz de ginseng - matérias-primas finamente picadas são usadas em sua forma pura, 0,75 gramas por dia.

A resposta do corpo às terapias caseiras é imprevisível e requer uma atitude séria em relação ao problema. Antes de usar qualquer medicamento alternativo, deve-se fazer um teste para verificar a ocorrência de reações alérgicas espontâneas e só depois disso.

A funcionalidade insuficiente do músculo cardíaco está frequentemente associada ao desenvolvimento de complicações graves - edema pulmonar e asma cardíaca. O prognóstico para esse tipo de patologia é desfavorável - o corpo de uma pessoa idosa não é capaz de reparar rapidamente as estruturas celulares danificadas.

Toda a vida futura da pessoa doente depende diretamente do cumprimento de medidas preventivas e de mudanças no modo de vida usual.

Medidas preventivas

Para evitar a deterioração da condição, os pacientes devem seguir várias recomendações:

  • excluir da vida álcool, bebidas com baixo teor de álcool, produtos de tabaco;
  • revisar a dieta diária em uma mesa de tratamento mais apropriada;
  • para regular a proporção de trabalho e descanso - pelo menos oito horas devem ser alocadas para uma noite de sono, você deve se levantar e ir para a cama no mesmo horário;
  • atividade física diária sem estresse excessivo - longas caminhadas na zona do parque florestal, natação na piscina;
  • excluir quaisquer situações estressantes e explosões psicoemocionais;
  • monitorar constantemente os indicadores de pressão arterial;
  • participar de um cardiolconsulta do ogista pelo menos a cada seis meses;
  • tratar atempadamente qualquer doença;
  • realizar fortificação sazonal.

A principal medida preventiva, os especialistas consideram a implementação correta das recomendações para o uso de medicamentos. A falta de eficácia do medicamento leva à necessidade de medicação por toda a vida. O desvio do regime de tratamento prescrito pode provocar o desenvolvimento de um ataque cardíaco, até um resultado fatal.

Intervenção operativa

No caso em que o uso de drogas não tem o efeito adequado no corpo e no coração, não melhora a saúde do paciente, o tratamento cirúrgico é prescrito como tratamento.

Durante sua implementação, são necessárias certas indicações que indicam a necessidade desse método de tratamento. A insuficiência cardíaca em idosos é determinada por uma violação do coração, seus músculos. Nesse caso, ocorrem interrupções na circulação sanguínea e no suprimento sanguíneo.

b04d090d8b833cb49d0ae2b1d4de58bc - Sintomas de insuficiência cardíaca e tratamento na velhice

Após a cirurgia na região cardíaca, o paciente deve seguir cuidadosamente as recomendações médicas durante e após a reabilitação. É necessário aderir a um estilo de vida saudável, comer alimentos de qualidade, principalmente vegetais, frutas, cereais, peixe e outros produtos saudáveis, exceto gordurosos, salgados, defumados. Depois de algum tempo, você deve passar por um diagnóstico cardíaco.

Complicações e consequências

As consequências da insuficiência cardíaca são inespecíficas, pois dependem amplamente do tipo de patologia e da forma do curso.

Na prática médica, as seguintes complicações mais comuns são observadas:

  1. Falhas no ritmo cardíaco levando à morte. As pessoas diagnosticadas com insuficiência cardíaca têm um risco 50% maior de morte do que as pessoas mais velhas sem esse diagnóstico.
  2. Lesões infecciosas e broncopneumonia. Devido à estagnação de sangue e fluidos nas células e tecidos, bem como à diminuição da função respiratória, surgem condições favoráveis ​​à disseminação da infecção, em particular aos pulmões e trato respiratório superior.
  3. Sangramento nos pulmões. Como resultado do edema pulmonar e da ocorrência de asma cardíaca, os pacientes correm o risco de sangrar nos pulmões.
  4. Infarto do pulmão e coração, embolia.
  5. Insuficiência hepática. Como resultado de estase venosa prolongada, a função hepática é prejudicada.
  6. Insuficiência renal crônica.
  7. Insuficiência cardiocerebral crônica.
  8. Caquexia do coração. Aparece devido a processos metabólicos prejudicados, falta de absorção de gorduras. Leva à anorexia generalizada.

O trabalho perturbado do coração afeta o corpo todo em particular, porque nosso coração é nosso motor. Quanto maior o desgaste do motor, maiores as chances de falhas sistemáticas e funcionais em todo o corpo. É por isso que, na velhice, a IC é um problema comum que leva as pessoas aos médicos.

Devido a alterações relacionadas à idade e à presença de patologias concomitantes que, de uma maneira ou de outra, fazem o coração funcionar às vezes intensamente, há sinais de insuficiência cardíaca em idosos. O tratamento oportuno do problema permite suspender as alterações patológicas em nosso corpo e permitir que o coração funcione da mesma maneira.

Em cada estágio da insuficiência cardíaca, fenômenos negativos se desenvolvem no corpo, o que agrava os sintomas. Na maioria das vezes, o processo patológico leva a:

  1. Função cardíaca prejudicada e morte.
  2. O desenvolvimento de doenças infecciosas e broncopneumonia. Ocorre estagnação de fluidos e sangue, o que prejudica o funcionamento do sistema respiratório. O curso crônico da doença cria condições favoráveis ​​para a disseminação de infecções.
  3. Hemorragia pulmonar. Edema pulmonar e asma podem levar a tais consequências.
  4. Insuficiência hepática. Em conexão com a insuficiência venosa, a estrutura do fígado se deteriora.
  5. Caquexia cardíaca. No estágio terminal do desenvolvimento da doença, os processos metabólicos e a absorção de gordura são interrompidos. Às vezes, anorexia e outras patologias se desenvolvem.

Para melhorar o prognóstico da doença, interromper a progressão e interromper com sucesso as manifestações clínicas, é necessário realizar terapia complexa e reabilitação adicional, realizar medidas preventivas.

O médico fornecerá uma lista completa dos medicamentos que o paciente deve tomar ao longo de sua vida. Todos os dias é importante controlar sua própria condição, cumprir todos os compromissos para normalizar o funcionamento do coração e dos órgãos internos.

Como tratar a insuficiência cardíaca em idosos, medicamentos eficazes

Antes de prescrever certos medicamentos, o médico examina um paciente idoso e dele descobre a presença de queixas. Ao compilar uma anamnese, um cardiologist pergunta sobre a tolerância à atividade física, estilo de vida e doenças existentes com o tratamento concomitante. Os seguintes sintomas indicam insuficiência cardíaca:

  • falta de ar não apenas durante o exercício, mas também em um estado calmo;
  • cor azulada do triângulo nasolabial, orelhas, dedos;
  • inchaço das pernas;
  • veias pulsantes e inchadas na testa, pescoço, têmporas.

Os sintomas listados são inerentes não apenas a uma pessoa idosa, mas apenas indicam a possível presença da doença.

Os médicos chamam os sintomas de insuficiência cardíaca de "máscaras" devido à falta de especificidade e semelhança com sinais de outras doenças.

Opções para o curso da doença Causa Sintomas
AbdominalA presença de insuficiência ventricular direita, congestão hepáticaPeso, inchaço, constipação persistente e falta de apetite
ArrítmicoFibrilação atrial, insuficiência miocárdicaRitmos cardíacos quebrados, palpitações e tremores no coração fortalecidos
CerebralDiminuição do suprimento sanguíneo cerebralConsciência prejudicada, sonolência, perda de orientação no espaço, mudanças frequentes de humor. O paciente sente ansiedade, que se intensifica à noite e pode levar à insônia.
PulmonarDeficiência no ventrículo esquerdo, estagnação da circulação sanguínea nos pulmõesO aparecimento de falta de ar e tosse, que não estão associados a nenhuma carga ou doença. A manifestação de insuficiência na posição supina e com atividade é amplificada.
RenalFalta de suprimento sanguíneo renalDiminuição da produção de urina, aparecimento de edema nas extremidades

O exame de uma pessoa idosa revela uma mudança nos limites da embotamento cardíaco (principalmente à esquerda), um enfraquecimento dos sons do coração, uma mudança no choque, sopro sistólico acima do ápice do coração e um aumento na pressão sistólica.

  1. Doença cardíaca, na qual uma pessoa não se limita à atividade física.
  2. As doenças existentes no sistema cardíaco requerem alguma restrição na atividade física. Isso ocorre devido ao fato de que durante a atividade a falta de ar aparece, os batimentos cardíacos se intensificam. Em repouso, os sintomas desaparecem.
  3. A insuficiência cardíaca dessa classe sugere uma limitação significativa da atividade física, pois mesmo uma pequena atividade é acompanhada de tosse, falta de ar e ataques de angina.
  4. A carga é contra-indicada.

Com problemas cardíacos na velhice, muitas vezes existem doenças dos pulmões e seus caminhos. Chiado durante a respiração indica um mau funcionamento do miocárdio. A tosse cardíaca é diferente do habitual nos sinais:

  • tosse pior na posição horizontal;
  • um ataque de tosse piora à noite;
  • os ataques são intermitentes, ocorrem periodicamente e são acompanhados por palpitações cardíacas, falta de ar e inchaço. O paciente pode ter tosse com hemoptise.

A tosse ocorre em um paciente devido à insuficiência cardíaca que ocorre de forma crônica. Além dessa doença, as causas do desenvolvimento da tosse são doenças cardíacas, disfunção valvar e arritmia.

Para reduzir o risco de chiado no peito, é necessário manter o trabalho do coração no nível adequado.

O principal método de tratamento é o conservador - terapia medicamentosa. Os medicamentos devidamente selecionados prolongam a vida do paciente e ajudam a manter a atividade física.

As principais orientações no tratamento da doença:

  • fortalecer a contratilidade do músculo cardíaco;
  • reduzir a retenção de sais e o excesso de água no corpo;
  • reduzir a carga cardíaca;
  • tratamento de doenças concomitantes;
  • prevenção de coágulos sanguíneos;
  • controle cuidadoso da dosagem (devido a um mau funcionamento nos órgãos e sistemas internos);
  • administração gradual de medicamentos começando com pequenas doses.

Nenhum tratamento será eficaz sem seguir uma dieta e eliminar maus hábitos. Vale ressaltar que, se o tratamento medicamentoso não trouxer resultados, o paciente receberá uma cirurgia para substituir as válvulas, eliminar o bloqueio dos vasos sanguíneos.

Não existem medicamentos prescritos apenas para o tratamento da insuficiência, todos eles também são utilizados para tratar outras doenças do sistema cardiovascular.

Tatyana Jakowenko

Editor-chefe da Detonic revista online, cardiologista Yakovenko-Plahotnaya Tatyana. Autor de mais de 950 artigos científicos, inclusive em revistas médicas estrangeiras. Ele tem trabalhado como um cardiologista em um hospital clínico há mais de 12 anos. Possui modernos métodos de diagnóstico e tratamento de doenças cardiovasculares e os implementa em suas atividades profissionais. Por exemplo, usa métodos de reanimação do coração, decodificação de ECG, testes funcionais, ergometria cíclica e conhece muito bem a ecocardiografia.

Por 10 anos, ela tem participado ativamente de vários simpósios médicos e workshops para médicos - famílias, terapeutas e cardiologistas. Ele tem muitas publicações sobre estilo de vida saudável, diagnóstico e tratamento de doenças cardíacas e vasculares.

Ele monitora regularmente novas publicações de europeus e americanos cardiolrevistas científicas, escreve artigos científicos, prepara relatórios em conferências científicas e participa em conferências europeias cardiology congresses.

Detonic